Memorial Rondon garante ao visitante exposições e ambientes interativos, em Porto Velho - Impacto Rondônia

Memorial Rondon garante ao visitante exposições e ambientes interativos, em Porto Velho


Ao visitar o Memorial Rondon, os turistas têm a oportunidade de realizar uma viagem no tempo através de exposições, acervos e ambientes interativos

Porto Velho, RO - O Memorial Rondon em Porto Velho é muito mais do que um museu, é uma experiência enriquecedora que leva o visitante a refletir sobre a história e a cultura brasileiras. Ao visitar o complexo, mantido pelo Governo de Rondônia e que faz parte da estrutura da Superintendência de Turismo (Setur), o turista tem a oportunidade de conhecer a trajetória de um dos maiores desbravadores do Brasil, o Marechal Cândido Mariano da Silva Rondon; saber mais sobre a cultura indígena e viver momentos únicos de aprendizado e descoberta.

O local é um destino possível e excelente opção de turismo histórico e cultural, inclusive durante o período de férias. De acordo com o superintendente da Setur, Gilvan Pereira, “a visita ao Memorial Rondon é uma oportunidade de mergulhar na rica história e cultura. Uma imersão nesse importante centro de memória brasileira, explorando a história, atividades e atrações”, destacou.

PROGRAMAÇÃO

O Memorial Rondon funciona de terça-feira a domingo, das 10h às 16h, na Estrada Santo Antônio n° 4.863, em Porto Velho. Uma das atrações mais procuradas pelos visitantes é a réplica da antiga estação telegráfica, que permite ao turista conhecer de perto o importante marco histórico. Além disso, o Memorial promove exposições temporárias, palestras e eventos culturais que enriquecem a visita e oferecem ainda mais informações sobre a história do Brasil.

Ao visitar o Memorial Rondon, o turista tem acesso aos artesanatos produzidos por indígenas de Rondônia

No momento, uma dessas exposições acontece na maloca, construída em tamanho real, onde o turista pode também conhecer e comprar artesanato indígena produzido por indígenas de Rondônia. A artesã e empreendedora cultura da etnia Karitiana Neozenilda Karitiana agradece ao Governo do Estado e Coordenação dos Povos indígenas (Copin) da Secretaria de desenvolvimento ambiental (Sedam) pelo espaço e revela que, “com esse espaço, nós indígenas estamos integrando uma rede de conexão de bioeconomia empreendedora, em que reúne artesanato indígena de várias etnias do Estado. É muito bom para nós podermos interagir com os turistas e expor nosso trabalho. Temos várias opções de artesanato, como colares, brincos, pulseiras e artefatos que representam a cultura do nosso povo”, evidenciou.

HISTÓRIA

Uma das atrações do Memorial Rondon é a réplica de uma das muitas estações telegráficas montadas em Rondônia

O Memorial Rondon foi inaugurado em 1990 e foi idealizado para homenagear um dos maiores desbravadores e defensores da cultura indígena do Brasil. Rondon foi responsável pela construção da linha telegráfica que interligava o Brasil ao mundo, e por seu trabalho incansável na expansão e integração dos territórios nacionais. Para o governador Marcos Rocha, “o Memorial é um tesouro histórico e cultural, que preserva e divulga a trajetória desse importante personagem da nossa história”.

ROTEIRO

Ao visitar o Memorial Rondon, os turistas têm a oportunidade de realizar uma viagem no tempo através de exposições, acervos e ambientes interativos que remontam a história de Rondon e das comunidades indígenas brasileiras. O local conta com um museu, onde é possível conhecer a vida e o trabalho de Rondon, além de diversos salões temáticos, os quais abordam desde a construção da telegrafia até a cultura das tribos indígenas.


Memorial Rondon garante ao visitante exposições e ambientes interativos, em Porto Velho Memorial Rondon garante ao visitante exposições e ambientes interativos, em Porto Velho Reviewed by ... on janeiro 19, 2024 Rating: 5

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.