Campanha "Dezembro Vermelho" deste ano tem foco na prevenção com uso de medicamentos - Impacto Rondônia

Campanha "Dezembro Vermelho" deste ano tem foco na prevenção com uso de medicamentos

Objetivo é promover uma mobilização estadual na luta contra o vírus HIV, Aids e outras IST

Porto Velho, RO - O Governo de Rondônia lançou na sexta-feira (1º) a campanha Dezembro Vermelho, com o intuito de promover uma mobilização estadual na luta contra o vírus HIV, Aids e outras IST (Infecções Sexualmente Transmissíveis). A campanha chama a atenção da população para a prevenção, assistência e proteção dos direitos das pessoas infectadas com o HIV.

O evento aconteceu em Porto Velho e reuniu profissionais de saúde do Estado, além de representantes de organizações não governamentais (ONGs) que atuam no combate, prevenção e tratamento de pacientes.

De acordo com coordenadora do Programa de Vigilância e Controle do HIV/AIDS, Denise dos Santos, neste ano, o foco da campanha serão os medicamentos antirretrovirais, usados de forma programada para evitar uma infecção pelo HIV, caso ocorra uma exposição, e o autoteste. “Naturalmente que, as formas tradicionais de prevenção por meio do uso de preservativos continuam sendo importantes, mas é igualmente relevante que se tenha conhecimento sobre esta nova medicação, resultante de estudos e pesquisas com o uso de novas tecnologias. Hoje, o diagnóstico de HIV não é mais uma sentença de morte como foi mostrado no início da doença. O uso deste medicamente mantém a carga viral indetectável, isto é, não transmite o vírus”, explicou.

O diretor-geral da Agevisa, Gilvander Gregório de Lima orientou às pessoas que se expuseram a risco que, “façam o teste rápido e em caso positivo, busquem tratamentos que são oferecidos, gratuitamente, em todas as unidades de saúde. Dessa forma, é possível ter uma vida saudável, mesmo com o diagnóstico positivo”, disse.

Segundo Gregório, a parceria do Governo com as prefeituras para eliminar a transmissão vertical do HIV e da sífilis (forma de contaminação da mãe para o filho), rendeu ao estado de Rondônia a primeira certificação pelo Ministério da Saúde na região Norte. “Dois municípios já foram certificados (Vilhena e Ji-Paraná) e outros dois estão em fase de certificação”, destacou

AUTOTESTE

O autoteste é simples de fazer, funciona da mesma forma que os testes rápidos utilizados em serviços de saúde ou em ações de promoção à saúde. A diferença é que é feito pela própria pessoa, em casa ou em outros lugares, no momento que preferir, sozinho ou com alguém em quem confia. O exame, disponível em Rondônia, utiliza fluido oral, bastando seguir o passo a passo. É intuitivo e fácil de interpretar.

PEP (Profilaxia Pós-Exposição)

A prevenção é feita por meio do uso de medicamento anti-HIV em caráter de urgência, que impede o vírus de se estabelecer no organismo. Por isso, é importante iniciar a profilaxia em até 72 horas, de preferência nas duas primeiras horas após a exposição. A PEP é gratuita e tem duração de 28 dias.

PrEP (Profilaxia Pré-Exposição)

A Profilaxia Pré-Exposição (PrEP) consiste na tomada de comprimidos antes da relação sexual. Atualmente, só há um produto aprovado, um medicamento 2 em 1 (tenofovir e entricitabina), que permite ao organismo estar preparado para enfrentar um possível contato com o HIV.


Campanha "Dezembro Vermelho" deste ano tem foco na prevenção com uso de medicamentos Campanha "Dezembro Vermelho" deste ano tem foco na prevenção com uso de medicamentos Reviewed by Da Redação on dezembro 05, 2023 Rating: 5

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.