Prefeitura de Porto Velho participa do XXIII Congresso Brasileiro de Apicultura e IX Congresso Brasileiro de Meliponicultura - Impacto Rondônia

Prefeitura de Porto Velho participa do XXIII Congresso Brasileiro de Apicultura e IX Congresso Brasileiro de Meliponicultura


Por seu potencial apícola muito forte, Porto Velho entra definitivamente na rota nacional de produção de mel

Porto Velho, RO - A Prefeitura de Porto Velho, por meio da Secretaria Municipal de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Semagric), participará do XXIII Congresso Brasileiro de Apicultura e também do IX Congresso Brasileiro de Meliponicultura (Conbrapi). Os eventos serão realizados simultaneamente de 24 a 26 de novembro, no Centro de Convenções Ulysses Guimarães, em Brasília (DF). A abertura será no plenário da Câmara Federal, com a presença do ministro da agricultura, Carlos Fávaro, entre outras autoridades.

“Como representante de Rondônia no no Conbrapi, Porto Velho entra definitivamente na rota nacional de produção de mel, por ter um potencial apícola muito forte e uma qualidade superior do produto em relação a outros municípios do País”, destacou o secretário Carlos Magno (Semagric).

Ele acrescentou que está prevista uma apresentação da Semagric durante o evento, sobre o potencial apícola e a qualidade do mel produzido na Amazônia Ocidental, onde está localizada a cidade de Porto Velho.

Carlos Magno também disse que, além do intercâmbio e troca de experiências em um evento dessa magnitude e de destaque nacional, é uma excelente oportunidade para que os produtores do município busquem novos conhecimentos, especialmente no manejo e na melhoria da qualidade do mel, já que muitos querem sair da informalidade.

Também para a equipe técnica da Semagric, afirma o secretário, já que a gestão do prefeito Hildon Chaves investe muito em capacitação, tanto dos servidores quanto dos produtores, e o município só tem a ganhar com o aumento da produção e melhor qualidade do mel produzido aqui.

APOIO AOS PRODUTORES


Os produtores de mel de Porto Velho estão recebendo total apoio da Prefeitura

Com investimentos e apoio da Prefeitura durante a gestão, Porto Velho vem se industrializando e agregando maior valor ainda aos derivados do mel. O município já conta com uma agroindústria em pleno funcionamento e outra que está prestes a se instalar, fomentando ainda mais a produção, a comercialização do mel e, consequentemente, proporcionando maior segurança alimentar.

Atualmente a capital é o município que mais cresce em produção de mel, com uma apicultura 100% familiar. Durante a pandemia houve um aumento das vendas de 600% e desde então as vendas não caíram, conforme dados da Associação dos Produtores e Meliponicultores da Amazônia (Apama).

“Os produtores de mel de Porto Velho estão recebendo total apoio da Prefeitura. Houve uma determinação do prefeito Hildon Chaves em 2019, para que a Semagric fornecesse toda assistência técnica necessária, inclusive com distribuição de alguns equipamentos para uso no manejo das abelhas”, disse o responsável técnico pela área de apicultura no município, Roseval Guzo.

CONGRESSO


O Brasil produz anualmente uma média de 45 mil toneladas de mel

Idealizado pela Confederação Brasileira de Apicultura (CBA), o objetivo do congresso é demonstrar a importância da polinização realizada pelas abelhas, incentivar os criadores da produção apícola, da meliponícola e seus derivados, além de estimular a economia.

A expectativa dos organizadores é mobilizar mais de 5 mil produtores em cada dia do evento. Nesses três dias de programação haverá palestras, oficinas, minicursos e exposição de insumos, tecnologia e serviços que movimentam a apicultura no Brasil.

Este ano, a novidade será o lançamento de um espaço da agricultura familiar, proporcionando oportunidades ao pequeno produtor de apresentar o seu produto ao mercado.

PRODUÇÃO

Conforme a Confederação Brasileira de Apicultura, o Brasil produz anualmente uma média de 45 mil toneladas de mel. Desse total, 55% é destinado para exportação. Com isso, o País ocupa o 8º lugar no ranking de exportação mundial do produto. Em 2022 a produção chegou a 60 mil toneladas.

O setor é composto de 350 mil apicultores, a maioria da agricultura familiar, gera cerca de 400 mil postos de trabalho no campo e 16 mil empregos diretos e indiretos. O Brasil é um dos maiores produtores do mundo e o maior produtor mundial de mel orgânico.

Fonte: Secom - Porto Velho


Prefeitura de Porto Velho participa do XXIII Congresso Brasileiro de Apicultura e IX Congresso Brasileiro de Meliponicultura Prefeitura de Porto Velho participa do XXIII Congresso Brasileiro de Apicultura e IX Congresso Brasileiro de Meliponicultura Reviewed by Da Redação on novembro 14, 2023 Rating: 5

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.