O dia 07 setembro na história de Porto Velho, Rondônia, Brasil e Mundo - Impacto Rondônia

O dia 07 setembro na história de Porto Velho, Rondônia, Brasil e Mundo

O DIA NA HISTÓRIA

7.9.2023 - BOM DIA!

Lúcio Albuquerque

69 99910 8325

RONDÔNIA

1922 – Centenário da Independência. Em Santo Antonio (MT), colocada uma placa de mármore com nomes das autoridades locais); em Porto Velho (AM), inaugurado o obelisco em frente ao (atual) Museu Estadual.

1922 – A adolescente Labib Aiéch (Bártholo) lê um poema na inauguração do obelisco (PVh), tornando-se a primeira mulher local a participar com destaque de um ato solene.

1940 – Inaugurada a Vila Operária, nas proximidades da estação ferroviária de Porto Velho.

1977 – Ainda em fase experimental a Rádio Alvorada de Vila 

Rondônia (Ji-Paraná) faz sua primeira transmissão externa ao vivo, o desfile da Independência.

1985 – O secretário de Fazenda do Estado, Hamilton Silva, espera só o aval do governador Angelo Angelin para enviar à Assembleia Legislativa o projeto orçamentário de 1986: 2 trilhões de cruzeiros.                                                                                      

COMEMORE

Há 200 anos: Depois de receber carta de sua esposa, a regente D.  Leopoldina Carolina Josefa, D. Pedro I proclama a Independência, há 200 anos.  Dia Mundial da Esgrima. 

Católicos celebram Santa Regina. Beato Vicente de Santo Antônio. 

BRASIL

1922 – Entra no ar Rádio Sociedade/RJ,  1ª emissora do país,  criada pelo antropólogo Edgard Roquette-Pinto. 

1880 — Joaquim Nabuco, André Rebouças e outros abolicionistas fundam a Sociedade Brasileira Contra a Escravidão. 

1920 — O presidente Epitácio Pessoa cria a Universidade Federal do Rio de Janeiro, a 1ª universidade federal do país.

 MUNDO

1921 — Criada em Dublin a “Legião de Maria”, a maior organização apostólica de leigos da Igreja Católica. 

1923 — É formada a Organização Internacional de Polícia Criminal (INTERPOL). 

FOTO DO DIA

UMA MULHER, UM HOMEM

Dois personagens com grande importância para a história brasileira, ela, uma princesa, ele um antropólogo e cientista, criador da 1ª emissora de rádio do país, a Rádio Sociedade do Rio de Janeiro, e o 1º propor que o sertão percorrido por Rondon fosse batizado com o nome dele.

Ela, Leopoldina Carolina Josefa de Habsburgo-Lorena, austríaca, esposa de D. Pedro I e exercendo a função de regente do Brasil, ainda parte de Portugal, escreveu uma carta ao marido, cobrando uma posição final no processo da Independência – o que redundou, há dois séculos, na proclamação que hoje se comemora (*).

O texto é curto (1.272 caracteres), em tom bem pessoal e íntimo, com uma narrativa e um apelo muito fortes Estrategista, ela atrasou a saída do correio com a intimação de Portugal e antes mandou um seu emissário entregar o documento ao marido. Dona Leopoldina, como a Princesa Isabel 66 anos depois, merecem um melhor tratamento da nossa história.


(*) D. Leopoldina — A história não contada: A mulher que arquitetou a Independência do Brasil, de Paulo Rezzutti. Foto: Reunião da Princesa com os ministros.  Crédito: Domínio Público/ Creative Commons/ Wikimedia Commons)

O dia 07 setembro na história de Porto Velho, Rondônia, Brasil e Mundo O dia 07 setembro na história de Porto Velho, Rondônia, Brasil e Mundo Reviewed by Da Redação on setembro 07, 2023 Rating: 5

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.