TXAI SURUÍ - A jovem ativista indígena agora é colunista da Folha de São Paulo

Na abertura da Conferência da ONU pelo Clima, ela foi a única brasileira a discursar


PORTO VELHO, RO - A ativista indígena Txai Suruí, 25, agora é colunista da Folha de São Paulo. O espaço, segundo ela, será dedicado sobretudo às questões indígenas e ambientais e aos direitos humanos. Sua coluna semanal será publicada nas versões online e impressa (pág. A2) da Folha, aos sábados.

Liderança de destaque na COP26, que aconteceu em Glasgow, na Escócia, em novembro de 2021, Txai despertou a atenção do mundo por conta do seu discurso contundente em defesa da maior participação de povos indígenas nas decisões da cúpula do clima.

Filha do cacique Almir Suruí e de Neidinha Suruí, referências nas lutas pelas causas indígenas na Amazônia, Txai é coordenadora da Associação de Defesa Etnoambiental – Kanindé e é uma das fundadoras do Movimento da Juventude Indígena de Rondônia. Na abertura da Conferência da ONU pelo Clima, ela foi a única brasileira a discursar.

“Os principais temas que pretendo discutir são povos indígenas, meio ambiente, direitos humanos e mudanças climáticas. São temas emergenciais e que precisamos abordar cada vez mais, em todos os espaços, principalmente em espaços como a Folha​”​, afirma a ativista, que estuda direito na Universidade Federal de Rondônia (Unir), em Porto Velho.

Fonte: Rondoniaovivo

TXAI SURUÍ - A jovem ativista indígena agora é colunista da Folha de São Paulo TXAI SURUÍ - A jovem ativista indígena agora é colunista da Folha de São Paulo Reviewed by REDAÇÃO on fevereiro 24, 2022 Rating: 5

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.