Marcos Rocha confirma legitimação do União Brasil; partido em Rondônia tem base conservadora focada no liberalismo econômico e proteção da família

Legenda tem o número 44 como representação na urna 

Porto Velho, RO - O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) homologou nesta terça-feira, 8, a fusão entre os partidos Democratas (DEM) e o Partido Social Liberal (PSL). A partir de agora, membros de ambas as legendas passam a compor o União Brasil, partido que já nasce com grandes proporções, tendo em vista que é o maior do país em número de representação no Congresso Nacional. Ao todo são 82 deputados federais (54 do PSL e 28 do DEM) além de oito senadores (2 do PSL e seis do DEM), bem como vários prefeitos, ministros do Governo Federal e três governadores eleitos, inclusive o Governador de Rondônia, Marcos Rocha, o qual é presidente estadual da sigla no Estado que comanda. 

A fusão entre os dois partidos foi aprovada no dia 28 de setembro em Brasília durante encontro entre as lideranças das siglas, comandadas pelo presidente do PSL, Luciano Bivar, o Presidente do DEM, ACM Neto e o advogado Antônio Rueda. No dia 6 de outubro, representantes dos dois partidos se reuniram em convenção para homologar partidariamente a fusão. A última etapa para a consolidação do União Brasil aconteceu hoje com a autorização do TSE para a criação oficial da legenda. Em Rondônia, o partido também surge robusto, com uma posição ideológica muito clara: “Somos um partido com viés conservador, lutamos pelo bem das famílias e da sociedade, garantindo o foco no desenvolvimento econômico, preservando a liberdade das pessoas”, enfatiza o Governador Marcos Rocha.

“O União Brasil conta com uma grande representatividade não só em Rondônia, como em vários outros Estados. Nossa missão neste momento é aumentar a representatividade do partido no Congresso Nacional e garantir que Rondônia continue tendo voz e principalmente reconhecimento no cenário nacional. A genética do União Brasil compõe um pilar importante da democracia do país e pretendemos continuar colaborando com a consolidação do processo democrático, fortalecendo o desenvolvimento do nosso Estado e fomentando políticas públicas para nossa sociedade”, comentou o secretário-geral do partido em Rondônia, Junior Gonçalves. 

Em sua fala, o Governador Marcos Rocha parabenizou a presidência nacional do União Brasil pelo novo rumo partidário, defendeu o diálogo constante para manutenção da democracia e que irá trabalhar firmemente para maior desenvolvimento da sigla no Estado.  “Um partido político é o primeiro passo para que o cidadão possa colocar em prática suas ideias de construção social e o União Brasil é um dos degraus mais importantes para este processo. Temos uma base histórica de contribuição tanto no Estado de Rondônia quanto na esfera nacional e vamos continuar comprometidos com o desenvolvimento da nossa sociedade. Parabenizo o presidente Bivar, ACM Neto, e o Doutor Antônio Rueda por suas importantes contribuições na construção deste processo tão valoroso para a história da política brasileira”, comentou. 

Ainda segundo o Governador, o União Brasil conta com 31 prefeitos em Rondônia (entre os que se elegeram pelo PSL e DEM, somados àqueles que firmaram compromissos com o partido após as eleições municipais) e 61 vereadores. “Temos representação em todas as esferas sociais e isso denota a importância do União Brasil para Rondônia. Cada qual em seu posto recebe as demandas sociais e trata de buscar soluções a fim de garantir do desenvolvimento do nosso Estado”, arrematou.

Fonte: Assessoria

Marcos Rocha confirma legitimação do União Brasil; partido em Rondônia tem base conservadora focada no liberalismo econômico e proteção da família Marcos Rocha confirma legitimação do União Brasil; partido em Rondônia tem base conservadora focada no liberalismo econômico e proteção da família Reviewed by REDAÇÃO on fevereiro 09, 2022 Rating: 5

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.