Maia chama Queiroga de “assassino” e defende interdição do ministro

 

Rodrigo Maia criticou ministro da Saúde por anunciar que governo federal recomendará prescrição médica para permitir vacinação de crianças

Porto Velho, RO - O ex-presidente da Câmara Rodrigo Maia (sem partido -RJ) criticou o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, nesta sexta-feira (24/12), por dizer que o governo federal recomendará prescrição médica para permitir a vacinação contra a Covid-19 de crianças de 5 a 11 anos.

“Esse ministro assassino deveria ser interditado pelo STF. É urgente”, escreveu no Twitter Maia, que é deputado federal licenciado e atual secretário estadual de Projetos e Ações Estratégicas do governo João Doria em São Paulo.

Nessa quinta-feira (23/12), Queiroga disse que o texto com a recomendação de prescrição médica para vacinação será submetido à consulta pública, mesmo após a Anvisa autorizar a aplicação da vacina da Pfizer contra a Covid-19 em crianças.

Fonte: Metropoles
Maia chama Queiroga de “assassino” e defende interdição do ministro Maia chama Queiroga de “assassino” e defende interdição do ministro Reviewed by REDAÇÃO on dezembro 24, 2021 Rating: 5

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.